fbpx

Manter a motivação na fotografia é um desafio constante para qualquer profissional. Não é uma questão de deixar de gostar, mas quanto mais se acumulam trabalhos, a parte autoral e experimental do fotógrafo diminui.

Além disso, em tempos de internet, as redes sociais e suas mudanças constantes acabam diminuindo um pouco o desejo de fugir do comum, pois a performance no algoritmo e a pressão por manter os números em evidência servem de bloqueio para a criatividade livre e desimpedida que um bom entusiasta possui. 

Por exemplo, é inegável que o Instagram despertou a vontade de sair e fotografar lugares novos a todo momento em muita gente entre 2011 e 2015. No meu caso, sem tempo e sem esse incentivo, a fotografia se tornou 100% trabalho pra mim. Mas isso não quer dizer que eu deixei de amar o que eu faço.

É por isso que no post de hoje, vamos conversar sobre 4 dicas para manter a motivação na fotografia. Vamos lá?

1. BUSQUE REFERÊNCIAS

 

Todo o nosso conhecimento é gerado a partir das experiências que vivemos ao longo da vida. E dentro desses experimentos, algumas coisas se destacam e se transformam em guias para o nosso crescimento.

Em resumo, uma referência é um modelo em que você se espelha para desenvolver as suas habilidades. A trajetória profissional de alguém que você admira pode ser uma referência, mas até encontrar alguém para admirar, você pode lidar com referências mais pontuais.

motivação na fotografia - referências

Ter referências te ajuda a manter a motivação na fotografia por te dar alternativas na busca por conhecimento. Foto por cottonbro / Pexels.

Desde uma conversa despretensiosa até uma música que você ouve com frequência, qualquer coisa pode servir para ser incorporada a sua fotografia. Assim, as principais fontes de referências que você pode consultar são as seguintes:

Livros

Seja em forma física ou digital, são acessíveis e podem abordar qualquer área do conhecimento. 

Sites e Blogs

Com conteúdo direcionado, são uma ótima opção para acompanhar de perto os profissionais que você mais admira.

Música

Possui um poder incrível de cativar, pois mesmo que você não entenda a letra, pode se deixar levar pelo ritmo. Já pensou em criar uma playlist das músicas que mais gosta para te acompanhar nas suas saídas fotográficas? É uma ótima maneira de se motivar e focar na fotografia sem distrações. 

Séries e Filmes

Os recursos audiovisuais usados em produções cinematográficas têm o poder de prender a nossa atenção e ficar na nossa memória por anos se nos cativaram. É só pensar no seu filme favorito ou naquela série que você assiste sem parar: algo neles conversou com você de uma maneira que você não consegue esquecer. Imagine então se você conseguisse despertar esse sentimento com a sua fotografia…

Você não precisa seguir necessariamente outros fotógrafos para ter referências na fotografia. Use aquilo ao seu redor para criar um conhecimento único que vai te motivar a apostar mais na sua arte.

2. CRIE UM PROJETO PESSOAL

 

Um dos maiores problemas na fotografia é ter medo de fotografar. Receio do que os outros vão pensar, medo de não ficar bom. Esse medo é natural, mas não pode te impedir de fazer o que gosta e travar a sua criatividade. Se tiver uma ideia de foto, coloque ela em prática, teste todas as possibilidades, mostre os resultados mesmo sem saber se as pessoas vão gostar. A fotografia é uma via de mão dupla, precisa dos seus esforços para existir e do público para que ganhe a dimensão que merece.

motivação na fotografia - projeto pessoal

Um projeto autoral é uma ótima forma de praticar fotografia fazendo algo que você gosta. Foto por Pok Rie / Pexels.

Afinal, como disse Henri Cartier-Bresson, “As suas 10 mil primeiras fotos serão as piores.” É apenas praticando que você vai conseguir melhorar na fotografia. Estude, mas não fique apenas na teoria. Quando puder, explore a sua cidade e fotografe. Quando estiver em casa, aproveite as limitações de espaço e faça coisas que não faria normalmente. Fotografe objetos, estude como a luz muda no seu quarto durante o dia, faça autorretratos criativos, fotografe as pessoas da sua família, seu bicho de estimação… Quanto mais você praticar, mais seguro de suas habilidades você estará.

3. PARTICIPE DE COMUNIDADES

 

Comunidades são uma ótima maneira de se manter motivado na fotografia pois une o melhor dos 2 mundos: desafios e amigos. Seja uma comunidade oficial do fabricante do seu equipamento, ou uma comunidade original que você encontrou na internet, o desafio de se inserir em um grupo de amantes da fotografia é interagir com pessoas de diferentes idades, lugares e níveis de conhecimento.

motivação na fotografia - comunidade

Participar de comunidades promove desafios criativos, enquanto te aproxima de outras pessoas que gostam tanto da fotografia quanto você. Foto por Dio Hasbi Saniskoro / Pexels.

Além disso, a maioria das comunidades são gratuitas para participar e costumam promover desafios criativos para estimular os participantes e gerar conteúdo original como resultado. Assim, você desenvolve as suas habilidades enquanto interage com pessoas que amam tanto a fotografia quanto você.

4. FAÇA UM CURSO NOVO

 

Fazer um curso é interessante pois até apresenta a conteúdos que você não teria acesso por conta própria, ou só aprenderia depois de muito tempo. Assim, além de aprender sobre algo novo, você está em contato direto com um profissional experiente que vai te passar tudo o que sabe, e vai ter nos colegas de curso um incentivo para se desafiar e continuar evoluindo.

Se quiser aprender mais sobre fotografia e interagir com uma comunidade super participativa, se inscreva em um dos cursos a seguir!

 

SmartPixels
Segredos da Fotografia

Teste o curso Lightroom Masters por 7 dias totalmente grátis.

 

Espero que você tenha gostado das dicas e aproveite bastante para aprender ainda mais. E se restou alguma dúvida a respeito do tema, use a seção de comentários e vamos conversar.

Até o próximo conteúdo aqui no Aprenda com Paulo!

Leave a Reply